Weby shortcut
topo.jpg

Pulmão - Broncopneumonite

Pulmão - Broncopneumonite

 

 

Figura 1

 

Figura 2

 

 

 

Broncopneumonite
 
Fatia de pulmão fixado em formaldeído.
Fig.1: Superfície de corte do pulmão onde podem ser observadas áreas de consolidação esparça – reação inflamatória aguda exsudativa purulenta (Pneumonite bacteriana), com distribuição multilobar, e frequentemente bilateral e basal. Lesões pouco elevadas, secas, granulares, de coloração cinza amarelado e com margens mal definidas (setas). Provavelmente aumento de consistência e peso do órgão e aspecto armado. Regiões enegrecidas, principalmente na periferia do órgão, representam áreas de antracose.
Fig.2: Superfície externa de um pulmão com broncopneumonite. Observa-se pleura parietal distendida eopacificada. A variação das cores observadas através da pleura (amarelo-acinzentado a enegrecido) correspondem  ao parênquima pulmonar entremeado de áreas supuradas consolidadas e antracose.

 

 

 

 

Listar Todas Voltar